o que realmente importa

20maio11

Há muitos anos fiz uma viagem com a Tê, uma grande amiga, num momento muito, muito importante das nossas vidas. Fomos para a costa oeste dos Estados Unidos, de Los Angeles a São Francisco de carro.

Na primeira parada, Santa Bárbara, ficamos num hotelzinho pousada gerenciado por um casal gay. A decoração era americanamente jeca, as paredes estavam presas e bem felizes vestidas com um papel de parede perfumado de flores gigantescas e listras, este padrão era repetido nas colchas das camas com dossel, nos estofados e nas cadeiras. Mas sabe do que eu mais me lembro? À tarde tinha limonada fresquinha e cookies no salão para a confraternização dos hóspedes e no quarto, além daquelas coisas básicas, tinha mesa e ferro de passar roupa.

O que eu quero dizer com isso? Quero dizer que se  você vai receber alguém na sua casa e ela nao está lá uma Brastemp, certifique-se de que a cerveja vai estar geladinha, ou o vinho no ponto, ponha a melhor toalha na mesa, troque os panos de prato, compre flores. Receba com carinho, porque é disto que a sua visita vai se lembrar. 

Fachada do country in by the sea, nosso hotelzinho sensacional!



2 Responses to “o que realmente importa”

  1. 1 Maria Tereza

    Que saudade dessa viagem!!!!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: